Untitled
Engenharia de Agrimensura e Cartográfica - Seja Bem Vindo

A PROFISSÃO

A Engenharia de Agrimensura e Cartográfica é a área da Engenharia responsável pelo levantamento e representação da superfície terrestre, bem como da locação de um projeto de engenharia da planta para o terrenoDesta forma exige-se do profissional conhecimento de métodos e técnicas para coletar, processar e representar dados, assim como informações sobre fenômenos cuja localização, variabilidade e dinâmica estejam relacionadas à superfície terrestre, através de levantamentos topográficos, geodésicos, hidrológicos, hidrográficos e em imagens aéreas ou de satélites. 

Atualmente, o mapa é um elemento fundamental para a compreensão de um fenômeno espacial; para o conhecimento, ocupação e exploração organizada, justa e sustentável da superfície física da Terra. Mapas, mais do que instrumentos de segurança nacional, são hoje instrumentos de desenvolvimento econômico e social sustentável. 

mapeamento do espaço físico possibilita ao gestor de políticas públicas planejar e viabilizar soluções eficientes e racionais para a populaçãoVale lembrar que houve uma evolução tecnológica muito grande na área da engenharia de agrimensura e da cartografia com o advento da informática e do posicionamento e imageamento através de satélites artificiais, possibilitando assim, rapidez e qualidade na obtenção dos dados espaciais, bem como no processamento, gerenciamento da informação espacial, permitindo facilidade da análise, gestão ou representação do espaço e dos fenômenos que nele ocorrem. 

O Brasil carece de profissionais especializados em representar, dividir e modificar a superfície do solo, e que seja capaz de utilizar a alta tecnologia em que se encontra a Engenharia de Agrimensura e Cartográfica. Todas as atividades de engenharia no país dependem da superfície da terra e do seu subsolo; tudo tem que ser mapeado, demarcado, dividido, posicionado. 

CAMPOS DE ATUAÇÃO

O campo de trabalho do Engenheiro Agrimensor e Cartógrafo está em expansão. Fazem parte de suas atividades profissionais: o ordenamento territorial, mapeamento e a coleta, tratamento e processamento de dados e informações espaciais. Planejar, coordenar e executar levantamentos topográficos, geodésicos, fotogramétricos, gravimétricos e batimétricos, gerando documentos como mapas, cartas, plantas, coordenadas, mosaicos, modelos de análise espacial – analógicos ou digitais. Desempenhar atividades de aquisição e distribuição de material técnico cartográfico, geodésico, fotogramétrico e de sensoriamento remoto. Aplicar conhecimentos de posicionamento, ajustamento de observações e comunicação cartográfica. Elaborar projetos geométricos e levantamentos para a locação de obras de engenharia, tais como estradas, portos, aeroportos, dutos, loteamentos e assentamentos rurais e urbanos. Faz a locação de obras civis, de transportes, projetos de assentamentos rurais e urbanos, a demarcação de terras e o georeferenciamento de áreas urbanas e rurais. Elaborar o Cadastro Técnico Multifinalitário. Coordenar e supervisionar equipes de trabalho; realizar pesquisa científica e tecnológica e estudos de viabilidade técnico-econômica; executar e fiscalizar obras e serviços técnicos; efetuar vistorias, perícias, avaliações, arbitramentos, laudos e pareceres técnicos relativos a terrenos rurais e urbanos, elaborar projetos e executar serviços de desmembramento e remembramento do solo urbano. Em suas atividades, considera a ética, a segurança e os impactos sócio-ambientais. 

No âmbito municipal ainda há atividades bastante específicas para o Engenheiro Agrimensor e Cartógrafo, ou seja, na elaboração de mapas cadastrais, visando reunião do acervo cartográfico de cada município, a implantação de apoio terrestre para aerolevantamentos e de rede de referência cadastral, a elaboração de cadastro técnico e de loteamentoimplantação de núcleos urbanos, o julgamento e aprovação de todos os levantamentos topográficos municipais, o mapeamento especial com o mapeamento cadastral representando as prioridades imobiliárias, o trabalho de sua atividade profissional para a execução do planejamento viário dos municípios e dos serviços públicos tais como: água, esgoto, iluminação, linhas de transmissão de energia e afins., a prestação de assistência a profissionais autônomos para cumprimento de normas técnicas na elaboração de plantas topográficas no município. 

ÁREAS DE ATUAÇÃO 

O Engenheiro Agrimensor e Cartógrafo é habilitado para trabalhar em empresas de geoprocessamento, de engenharia e terraplenagem; em áreas rurais, industriais, de construção civil, serviço público e instituições de ensino e pesquisa; em obras e construções, com planejamento, monitoramento, administração e controle grandes obras, analisando o terreno e prevendo possíveis problemas; em monitoramento de áreas rurais, monitoramento dos terrenos e das condições geológicas; na construção de ferrovias, hidrovias, barragens; no loteamento de terrenos, na medição e na interpretação dos dados; em obras de extrativismo (como mineração) para realização do extrativismo sustentável; em sistema de saneamento, irrigação e drenagem. Também pode atuar de forma autônoma, em empresa própria ou prestando consultoria.